Projeto de Lei 7371/2014: Real ajuda para a Mulher?


Sob o pretexto da comemoração do DIA DA MULHER, neste dia 08 de março, apareceu um Projeto de Lei que visa criar um Fundo de Enfrentamento à Violência contra a Mulher: PL 7371/2014. A princípio isso parece ótimo e, realmente, a ideia é em si muito boa e necessária. Todavia, os Pró-vidas do Brasil são contrários à forma como está o PL. POR QUÊ?

Porque, estudando a maneira como a “legalização” do aborto tem sido conduzida em vários países do mundo, vemos claramente que o mesmo está acontecendo no Brasil. Apresentam-se leis aparentemente inofensivas e boas, mas que trazem em si uma brecha para que o aborto seja introduzido (ou financiado, como no caso deste PL). São as chamadas leis “cavalo de troia”.

Veja alguns FATOS:

– Em 2007 o então Ministro da Saúde do Governo Lula, José Gomes Temporão, empenhadíssimo na legalização do aborto, dizia que poderiam faltar esparadrapos nos hospitais, mas não faltaria dinheiro para o aborto;

– Alguns anos depois, a ex-secretaria de Política para as mulheres do Governo Dilma, Eleonora Menicucci, disse: “‘somente é crime praticar o próprio aborto, mas o governo entende que não é crime orientar uma mulher sobre como praticar o aborto’.”

– Por que estas afirmações tão contundes? Porque eles sabiam que um projeto de implantação do aborto em toda a América Latina, inclusive no Brasil, estava em andamento. De fato, no Plano Nacional de Política para as Mulheres, de 2005, já se fala abertamente como uma das metas “promover a (…) a assistência ao abortamento em condições inseguras para mulheres e adolescentes…”

– Em 2011 a Norma Técnica Atenção Humanizada ao Abortamento já preparava os profissionais da saúde para o que está sendo implantado agora;

– em 2013, também por ocasião do dia da mulher, foi apresentado um projeto de lei no Congresso, a ser votado em regime de urgência (como o atual) sobre uma nova lei em defesa da mulher em caso de violência sexual. Como tudo indicava ser algo bom, os parlamentares, sem terem tempo de olhar a fundo as justificativas, aprovaram. No dia seguinte se deram conta que abriram uma enorme brecha para o aborto. O tal PL se tornou a Lei 12845, sancionada pela Presidente Dilma no dia 01/08/13, assim que o Papa saiu do Brasil. Este PL mudou a interpretação do que é um estupro (que é passível de aborto “permitido” no Brasil). A nova lei usa um termo genérico: “atividade sexual não consentida”, abrindo amplo espaço para que tudo se justifique assim para que haja um aborto. Veja aqui a lei 12845 e comentários sobre a mesma.

– uma vez que a lei foi aprovada, agora precisam garantir recursos para que os abortos aconteçam, preparando os hospitais públicos. O PL atual é justamente para isso: captar dinheiro para financiar o aborto no Brasil!

– Já que há uma lei que abre enorme brecha para o aborto, os médicos abortistas irão indicar às mulheres que adquiram drogas e façam o aborto em casa, vindo aos hospitais (equipados com o Fundo que está sendo legalizado) para terminarem o processo. Veja esse vídeo que mostra isso claramente;

– Por fim, uma vez que passem a acontecer abortos “aos montes” o caminho será mais fácil para uma final legalização total do assassinatos de bebês em nosso país, o que eles objetivam;

– todos os passos desta ação foram também implantados no Uruguai, onde hoje o aborto é legalizado! Veja este DOC (a partir da página 14);

– Vários documentos comprovam a doação de enormes somas de dinheiro, por parte de Fundações internacionais e até de alguns países, para promover o aborto nos países pobres, entre eles o Brasil (veja no DOC anterior, a partir da página 20);

– Muitos Deputados, inclusive mulheres, não sabem de toda esta história e caem no engano das feministas. São elas que estão lutando pela aprovação do PL 7371/2014.

O que você pode fazer?

Enviei e-mails e Ligue para os Deputados, de modo especial do seu Estado, para que eles não aprovem o Projeto como está. Você pode encontrar os e-mails dos seus deputados aqui.

Compartilhe com outras pessoas estas informações

Sua ação tem que ser urgente, pois vão votar logo este projeto.

Jesus com certeza te abençoará por lutar em favor da vida!

Saiba mais sobre o PL 7371 nestes endereços:

https://youtu.be/Zi6YecnCSRo

https://youtu.be/vSPvN0F_nro

Padre Silvio Roberto, MIC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *