Tríduo do Bem-aventurado Bispo Jorge Matulaitis


Detalhes do Evento


Tríduo para a celebração da memória do Bem-aventurado Bispo Jorge Matulaitis.

De 24 a 26 de janeiro, às 19h no Santuário da Divina Misericórdia.

 


Sobre o Bispo Jorge Matulaitis

Nascido em 13 de abril de 1871, em Lūginė, foi o último de oito filhos. Em 1889, mudou-se para a Polônia, sendo esse o motivo pelo qual trocou seu sobrenome por Matulewicz. Após completar os estudos necessários, foi ordenado sacerdote em 20 de novembro 1889. Em 1911, foi nomeado Superior Geral da Congregação dos Padres Marianos da Imaculada Conceição, e lutou para recuperar as casas e os terrenos tomados pelo Estado. Nomeado Bispo de Vilnius em 1 de dezembro 1918, deixou a pasta em 1925 para dedicar-se novamente à Congregação. O Papa Bento XV, então, nomeou-o Arcebispo titular de Adulis. Visitou 92 paróquias nos EUA. Faleceu de apendicite aguda em 27 de janeiro de 1927, e foi enterrado na Catedral de Kaunas. Em 1934 o corpo foi translado para a igreja de Marijampolé.

Em 28 de junho 1987, João Paulo II proclamou-o beato.

Oração ao bem-aventurado Jorge

Santíssima e indivisível Trindade, que nos corações dos Vossos servos fiéis escolheis a Vossa morada e após a morte recompensais os seus méritos com a glória do céu, fazei, nós Vos pedimos, que o Vosso servo, o bem-aventurado Jorge, que, sob a proteção da Imaculada Virgem Maria, com zelo apostólico serviu fielmente à Igreja, seja incluído no número dos santos. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

Ladainha ao bem-aventurado Jorge

Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.

Deus, Pai dos céus, tende piedade de nós.
Deus Filho, Redentor do mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.

Santa Maria, rogai por nós
Bem-aventurado Jorge, bispo da Santa Igreja,
Fiel imitador de Cristo,
Obediente ao Espírito Santo,
Instrumento escolhido da Providência Divina,
Intrépida testemunha da fé,
Profundamente dedicado a Maria Imaculada,
Fiel filho da Igreja,
Espelho de amor à Igreja,
Fiel e obediente ao Santo Padre,
Glória da terra lituana e polonesa,
Bondoso e sábio pastor,
Propagador da renovação do espírito,
Defensor da fé católica,
Renovador e fundador de comunidades religiosas,
Protetor das vocações religiosas,
Patrono de padres e bispos,
Amigo e defensor dos operários,
Educador e mestre da juventude,
Varão de fé firme,
Modelo de dedicação ao trabalho e de piedade,
Amante da humanidade e da mansidão,
Admirável amante da cruz,
Exemplo de paciência e de equilíbrio,
Resplandecente de alegria espiritual e de paz,
Religioso cheio de zelo,
Sábio guia no caminho da vida religiosa,
Promotor da paz entre os homens e as nações,
Patrono de nações desavindas,
Incansável mestre do Evangelho,
Modelo de bondade para os inimigos,
Pastor em busca das almas perdidas,
Pai e defensor dos órfãos,
Consolador dos doentes e dos pobres,
Defensor da dignidade humana,
Modelo de santidade nos nossos tempos,
Intercessor diante de Deus pelas nações da Lituânia e da Polônia,

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos, Senhor
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos, Senhor
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

V. Rogai por nós, bem-aventurado Jorge.
R. Para que nos tornemos dignos das promessas de Cristo.

Oremos:
Deus, que no coração do bem-aventurado Jorge, bispo, acendestes a chama do amor a Cristo e à Igreja, fazei, nós Vos pedimos, que pelo seu exemplo e pela sua intercessão imitemos diligentemente Vosso Filho e fortaleçamos o Seu Corpo Místico. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

Categorias:

Favorite o link.