4ª palestra do 19º Congresso da Divina Misericórdia

Aconteceu na quarta-feira (11) no Santuário da Divina Misericórdia o quarto dia do 19º Congresso da Divina Misericórdia. A quarta palestra foi realizada pelo padre Leonardo Mariano, MIC, com o tema “Glorificar a Deus em sua misericórdia: uma necessidade do nosso tempo”, do livro do Padre Miguel Sopoćko: A Misericórdia de Deus em Suas obras (pág. 47-56 da 1ª edição / 48-57 da 2ª edição).

Padre Leonardo iniciou sua participação citando que mais do que um conhecimento, a Misericórdia Divina é uma experiência de encontro a ser vivida. E então, sobre o tema do dia, questionou se glorificar a Deus é uma necessidade só do nosso tempo ou uma necessidade desde sempre.

Misericórdia é a tradução do amor de Deus em ação. “Por isso, precisamos de Misericórdia e precisamos glorificar o Deus da Misericórdia. Reconhecer essa Misericórdia faz com que a pessoa humana se volte para um caminho de fé, àquele deixada por Jesus – a Sua Igreja”, explica o palestrante.

A Igreja ao revelar o Rosto Misericordioso de Deus, leva a pessoa a uma mudança e conversão de vida, isso que o Padre Miguel Sopoćko nos chama atenção.

Transformação

“Deus nos chama através do anúncio da Misericórdia, pela Igreja, a uma conversão, uma conversão que é extremamente necessária e ela precisa ser constante, dia após dia. É sair do caminho errado, é receber a verdade de Jesus Cristo, é o aprofundamento das verdades que já acreditamos. Então, ao longo deste Congresso estamos vivendo a nossa conversão, a nossa transformação de vida”, esclarece o Padre Leonardo.

O palestrante segue a sua conferência afirmando que essa é a transformação que precisamos, para então dar Glória a Deus. “Esta é a grande passagem que todos nós precisamos fazer em nossa vida. A passagem de pessoas distantes e indiferentes à fé, ou de pessoas funcionais dentro da Igreja – que cumprem tarefas, que às vezes cumpres rezas com os lábios – para a vida de filiação, assumindo que sou filho do Pai das Misericórdias, e por isso eu posso dizer: Glória a Deus por sua Misericórdia!”.

O conferencista afirmou também que Deus pode estar chamando você hoje para ser a abraço Dele, o ouvido, o olhar, que seja o instrumento da graça Dele. Talvez Deus tenha este chamado para você hoje, para que você adquira um olhar de ternura, de compaixão, um olhar que perdoa.

Quando a pessoa se coloca à disposição de buscar a vontade de Deus, ela se desamarra, se desvencilha e começa a caminhar. Com esta explicação o Padre Leonardo pede que tenhamos diante do nosso olhar o rosto do Pai revelado por Jesus. “Tenha a coragem de dizer: Tu és o meu Pai e eu quero seguir o seu caminho na Igreja, na minha vocação e na missão que me confiaste”.

Diálogo

O Padre Miguel Sopoćko destaca em seus escritos que Jesus tem uma relação constante de diálogo com o Pai, e é isso que Jesus quer também nos ensinar. “Do olhar vem a relação, da relação vem o diálogo, do diálogo vem a confiança, que é a consequência de quem se reconhece filho de um Deus Misericordioso”, ensina o conferencista.

A nossa oração precisa partir dessa consciência da filiação. Dar glória a Deus por sua misericórdia nasce de uma existência filial. “Graças a Sua misericórdia, Deus nos faz seus filhos. Toda a nossa vida espiritual deve ser um desenvolvimento da filiação divina”.

Para perseverar nesta filiação, o Padre Miguel diz em seu livro que a confiança é indispensável. Desde que seja uma confiança consistente, não oscilante – hoje eu confio e amanhã eu não confio mais. E para que haja essa constância é necessário tomar algumas decisões, como: colocar-se constantemente a ouvir a Palavra de Deus, programar-se constantemente para buscar a Deus. “Se você está fazendo isso, confiando e ensinando a confiança aos seus, parabéns! Você não está numa fé de eventos, numa fé ocasional, mas numa fé de peregrinos”.

A atitude principal que Deus pede de nós é que compreendamos a Sua misericórdia. Que compreendamos o quanto ele é bom, o quanto ele não é distante, e Ele se revela por meio de pessoas e de situações.

A misericórdia aprofunda o nosso amor a Deus, ela apresenta ao nosso olhar o sublime exemplo da Misericórdia de Jesus. “Quando voltamos a Palavra de Deus para lembrar as ações misericordiosas de Jesus, vamos ressuscitando dentro de nós a consciência de filhos, e isso vai conduzindo-nos a ser misericordiosos.”

Ao finalizar a conferência o Padre Leonardo conduziu os congressistas on-line a agradecer ao Senhor, porque Ele é a misericórdia, o amor.

“Você vai ter mais vida quanto mais comunhão tiver com Deus da misericórdia. Saiba que o fim do seu destino é dar glória a Deus. Obrigado, Senhor, pela graça de estar aqui esta noite, obrigado por poder viver a experiência da sua Misericórdia neste Congresso.”


Você pode assistir a palestra na íntegra clicando abaixo.