Novembro: intenção da oração do Papa e de todos os fiéis é por quem sofre de depressão

 

“Vinde a mim, todos vós que estais cansados e oprimidos,
e eu vos darei descanso”

Imagens: iStock

A intenção da Rede Mundial de Oração do Papa Francisco neste mês de novembro é pelas pessoas que sofrem de depressão.

Francisco demonstra sua preocupação a todas as pessoas que se sentem sobrecarregadas em seu dia a dia, especialmente em caso de estresse e depressão, e pede para rezar para que recebam o acompanhamento necessário.

“A tristeza, a apatia, o cansaço espiritual acabam dominando a vida das pessoas que estão sobrecarregadas com o ritmo de vida atual”, afirma o Papa. Nesta situação, uma ajuda pode ser a escuta silenciosa e a oração, aliada a um “imprescindível acompanhamento psicológico”.

 

Depressão e ansiedade, os transtornos mais comuns

Um estudo publicado este ano estima que uma em cada dez pessoas no mundo convive com algum tipo de transtorno de saúde mental, ou seja, cerca de 792 milhões de pessoas, que representam 11% da população. Dos diferentes transtornos existentes, o estudo destaca a depressão (264 milhões, 3%) e a ansiedade (284 milhões, 4%) como os transtornos mais comuns na vida das pessoas.

A ONU, por sua vez, alerta que a depressão, quando recorrente e de intensidade moderada ou grave, pode se tornar um grave problema de saúde. Na pior das hipóteses, pode levar ao suicídio, que atualmente tira a vida de mais de 700.000 pessoas por ano e ocupa o quarto lugar em causas de morte entre jovens de 15 a 29 anos.

A pandemia de COVID-19 também testou a resiliência mental e emocional de inúmeras pessoas, afetando seu equilíbrio psicológico.

“Rezemos para que as pessoas que sofrem de depressão ou de esgotamento extremo recebam o apoio de todos e recebam uma luz que as abram à vida”, convida Francisco, citando as palavras de Jesus: “Vinde a mim, todos vós que estais cansados e oprimidos, e eu vos darei descanso.”

 

 

Fonte: Vatican News