Acompanhe a oração do Papa com a bênção Urbi et Orbi

Nesta sexta-feira 27 de março, católicos de todo o mundo são convidados a se unir espiritualmente ao Papa que presidirá um momento de oração que durará cerca de uma hora, do patamar da Basílica de São Pedro, com a Praça vazia.

A oração e bênção Urbi et Orbi’ do Papa Francisco na emergência do coronavírus, será transmitida ao vivo pelos canais do Vatican News.

Será concedida a Indulgência Plenária àqueles que se unirem espiritualmente a este momento, por meio da mídia.

A absolvição coletiva, ou seja, para vários fiéis juntos, sem prévia confissão individual, pode ser obtida pelos:

  • Doentes de coronavírus, os que estão em quarentena, os profissionais de saúde e familiares que se expõem ao risco de contágio para ajudar quem foi afetado pelo Covid-19, poderão simplesmente recitar o Credo, o Pai-Nosso e uma oração a Maria.
  • Os outros poderão escolher entre várias opções: visitar o Santíssimo Sacramento ou a adoração eucarística ou ler as Sagradas Escrituras por pelo menos meia hora, ou rezar o Terço, a Via-Sacra ou o Terço da Divina Misericórdia, pedindo Deus, a cessação da epidemia, o alívio para os doentes e a salvação eterna daqueles a quem o Senhor chamou a si.
  • A indulgência plenária também pode ser obtida pelos fiéis que, no momento de morte, não tiveram a possibilidade de receber o Sacramento da Unção dos Enfermos e do Viático: neste caso, recomenda-se o uso do crucifixo ou da cruz.

Os horários nos diferentes países de língua portuguesa:

14 horas, horário de Brasília

16 horas Cabo Verde

17 horas Portugal

17 horas Guiné Bissau

17 horas São Tomé e Príncipe

18 horas Angola

19 horas Moçambique

2 A.M de sábado Timor Leste


Como explica a Sala de Imprensa da Santa Sé, nesta circunstância especial, nas proximidades da porta central da Basílica, será colocada a imagem da Salus Populi Romani e o Crucifixo milagroso da Basílica de São Marcelo.

Depois de ouvir a Palavra de Deus, o Papa Francisco fará uma meditação. O Santíssimo Sacramento será exposto no altar localizado no átrio da Basílica do Vaticano e, após a súplica, seguirá o rito da Bênção “Urbi et Orbi” com o Santíssimo.

Então o cardeal Angelo Comastri, arcebispo da Basílica de São Pedro, procederá com a proclamação da indulgência.

Fonte: Vatican News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *