Filme sobre Santa Faustina e a Divina Misericórdia será lançado em 1º de julho

“Amor e Misericórdia: Faustina” terá lançamento nas principais plataformas digitais a partir de 1º de julho

Chega ao Brasil, no dia 1º de julho, nas plataformas digitais, o filme sobre a Santa que conversava com Jesus Misericordioso, Santa Faustina Kowalska.

O filme “Amor e Misericórdia: Faustina” é dirigido por Michal Kondrat, e conta como Faustina foi escolhida por Deus para a missão de levar a mensagem da Divina Misericórdia ao mundo. O longa-metragem revela cartas e documentos nunca antes divulgados e promete iluminar a todos para a vinda final de Cristo.

Lançado originalmente na Polônia, na Festa da Misericórdia de 2019, o filme chega agora ao Brasil com distribuição pela “Lança Filmes”, e com divulgação da “Kolbe Arte Produções”, empresa especializada em conteúdo católico.

O filme poderá ser assistido nas plataformas Google Play, Now, UOL, Microsoft, Vivo Play, Oi Play, iTunes. Em breve divulgaremos os streaming que vão lançar o filme também. Para o mês de outubro está previsto o

O filme poderá ser assistido nas plataformas Google Play, Now, UOL, Microsoft, Vivo Play, Oi Play, iTunes. Em breve divulgaremos os streaming que vão lançar o filme também. Para o mês de outubro está previsto o DVD de “Amor e Misericórdia: Faustina”.

Sobre o enredo do filme

Amor e Misericórdia” inclui atores que interpretam figuras históricas importantes da Igreja Católica. Além de Santa Faustina, traz a figura do seu confessor e diretor espiritual – Beato Miguel Sopoćko; e o Padre Joseph Jarzebowski, MIC – padre mariano responsável por levar a mensagem da Divina Misericórdia para os Estados Unidos, em 1941, e de lá difundir para o mundo.

O diretor e produtor Michal Kondrat, afirma que a “Misericórdia Divina está mudando milhões de vidas, mas a maioria dos cristãos ainda desconhece o poder da mensagem que Jesus deu à humanidade através de Ir. Faustina, uma simples freira polonesa que agora é santa”, por isso reforça a importância deste filme.

Kondrat destaca no filme os detalhes de como foi pintada a imagem de Jesus Misericordioso, que foi um pedido do próprio Jesus à Santa Faustina, e a grande assistência do Padre Sopoćko para a realização de tudo o que não estava ao alcance da Irmã Faustina. Também é evidenciado no filme o papel do “Papa da Misericórdia”, São João Paulo II, um importante divulgador que dedicou-se a tarefa primordial de anunciar e incentivar os cristãos a confiar na ilimitada Misericórdia Divina.

Faustina é interpretada pela atriz polonesa Kamila Kaminska, que viveu uma verdadeira experiência de fé com o papel da Santa. “Em certo momento, parei de me concentrar em Santa Faustina e comecei a experimentar a presença, o amor e a confiança de Deus”, revela.

Esta Santa do século XX, nasceu na Polônia, no dia 25 de agosto de 1905. É a terceira de dez filhos do casal Estanislau Kowalska e Mariana Babel. Foi batizada com o nome de Helena Kowalska.

Entrou na congregação das Irmãs de Nossa Senhora da Misericórdia e lá Helena recebeu o hábito e o nome de Irmã Maria Faustina. Jesus a escolhe como secretária, apóstola, testemunha e dispensadora da Divina Misericórdia (conforme Diário, 965; 1142; 400; 570) e por meio dos seus escritos relatou as aparições de Jesus, que prometia grandes graças e misericordiosas bênçãos.

É do Diário de Santa Faustina, uma obra muito conhecida hoje na Igreja no mundo todo, podendo ser considerado como um dos clássicos da espiritualidade católica, que a sua história passou a ser conhecida. Nele, Faustina relata seus diálogos e pedidos feitos por Jesus. “Devo anotar os encontros de minha alma Convosco (…). Recebi esta ordem de quem Vos representa aqui na terra, ó Deus, e ele me esclarece sobre a Vossa santa vontade. Jesus, bem vedes como me é difícil escrever e como sou incapaz de descrever com clareza o que experimento na minha alma. Ó Deus, poderá a pena descrever aquilo que muitas vezes não há nem mesmo palavras? Mas sois Vós, ó Deus, quem mandais que escreva e isso me basta” (Diário, 6).

São João Paulo II foi o papa que deu uma resposta ao pedido que Jesus manifestou para a Santa Faustina Kowalska: “Eu desejo que haja a Festa da Misericórdia” (Diário, 49). O Pontífice proclamou solenemente a Festa tão especial e devocional em 30 de abril de 2000, mesma data em que canonizou Irmã Faustina.

A partir daquele domingo, o Papa determinou que em todos os anos seguintes o Segundo Domingo da Páscoa seria o Domingo da Misericórdia.

O Papa João Paulo II, hoje santo da igreja, morreu no dia 02 de abril de 2005, véspera da Festa da Misericórdia naquele ano.


Serviço

O filme será lançado nas plataformas digitais em 1º de julho.
Vamos começar o segundo semestre clamando ainda mais a misericórdia de Deus sobre o mundo.
*O lançamento nos cinemas será adiado até que passe a pandemia e possamos levar os expectadores com segurança às salas de exibição.

Site do filme: https://www.amoremisericordiafilme.com.br/

11 thoughts on “Filme sobre Santa Faustina e a Divina Misericórdia será lançado em 1º de julho

  1. Maravilhoso, quero assistir estou ansiosa pois sou devota de Santa Faustina e Jesus Misericordioso,,Jesus eu confio em vós,que o Senhor nos cubra com seu manto sagrado,🙏🙏🙏

  2. Eu e minha família somos prova viva de que o Jesus Misericordioso muda a nossa vida, à 6 anos somos propagadores do terço da misericórdia e assim como fomos salvos, também tentamos salva outras vida através do terço da misericordia

  3. Sou apaixonada por Nosso Senhor Jesus Cristo e tenho o quadro da Divina Misericórdia que foi descrito por Irmã Faustina.
    Ganhei este quadro da minha amada irmã Maria Ines que hoje.mora no paraíso junto com a nossa mãe, ambas sempre amaram a Divina Misericórdia… herdamos a fé na Divina Misericórdia de nossa mãe ,a Dona Terezinha e o filme será lançado bem no dia do aniversário de meu pai, que se estivesse aqui neste mundo, estaria fazendo 92 anos…, também vou assistir se Deus quiser 🙏 este abençoado filme.

  4. A minha forma de viver e pensar mudou depois de ter lido o diário de Santa Faustina, o qual ganhei da minha querida irmã Elisabete. A presença de Jesus se tornou viva. Aprendi que a obediência é apreciada por Jesus, sendo um dos pilares para a santificação. A obediência traz Paz. Durante o período de leitura, minha madrinha trouxe uma imagem das réplicas de Jesus. Fato q mostra como Deus nos ama. Era apaixonada por Santa Terezinha, agora por Santa Faustina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *