O amor de Deus é a flor, e a misericórdia, o fruto

Santa Faustina escreveu em seu Diário, no dia 12 de fevereiro de 1937, algumas invocações à Divina Misericórdia. Com base nessas invocações, o Padre Miguel Sopoćko compôs uma Ladainha à Misericórdia Divina, melhorando algumas das invocações e acrescentando outras por sua própria conta (cf. Carta do Pe. Sopoćko de 14.5.1972).

 

Irmã Faustina escreveu: “Que a alma que desconfia leia estes louvores à misericórdia e torne-se confiante” (Diário, 949).

Esta ladainha será analisada linha por linha para que possamos nos tornar mais confiantes em Jesus, a Divina Misericórdia.

O amor de Deus é a flor — a misericórdia, o fruto

[Parte 1]

Misericórdia divina, que brota do seio do Pai, eu confio em Vós

Santa Faustina inicia refletindo sobre a Divina Misericórdia que jorra do seio do Pai. Isto é o que ela viu quando Jesus apareceu para ela, e o que vemos na Imagem da Divina Misericórdia. Jesus é “o rosto da misericórdia do Pai”, como escreveu o Papa Francisco em sua Bula de Indicação, pronunciando o Jubileu Extraordinário da Misericórdia em 2015. Assim, pode-se dizer, como Santa Faustina, que Jesus também nos mostra o Coração do Pai. que é amor e misericórdia. O Coração de Jesus está aberto na Imagem da Divina Misericórdia, e os raios de Sangue e Água jorram de Seu Coração, enquanto eles emanam eternamente do Coração do Pai. Este é um sinal do Seu grande amor por nós.

Misericórdia divina, atributo máximo de Deus, eu confio em Vós

Em relação a cada um de nós como uma criatura humana caída, a Divina Misericórdia é o maior atributo de Deus porque é por esse atributo que Deus nos perdoa de todos os nossos pecados, nos adota como Seu próprio filho ou filha e nos leva para viver com Ele para sempre no céu. Aquele que é infinito se humilhou para se entregar a nós. Este é um sinal de Seu grande amor por nós e de que Ele é digno de nossa confiança.

Misericórdia divina, mistério inefável, eu confio em Vós

Poderíamos estudar as Escrituras, o Diário de Santa Maria Faustina Kowalska, documentos da Igreja, e os escritos sobre a vida dos santos pelo resto de nossas vidas, mas nunca poderíamos compreender plenamente as profundezas do mistério da misericórdia de Deus. Permaneceremos maravilhados e adorando a Deus e Sua grande misericórdia por toda a eternidade e nunca a esgotaremos. Passemos um tempo em oração todos os dias pedindo ao Senhor que nos ajude a penetrar mais profundamente no mistério de Sua Divina Misericórdia. Isso deve inspirar em nós maravilha e admiração (dons do Espírito Santo) no grande mistério de Deus, e nos levar a uma oração e contemplação mais profundas em nosso relacionamento com Ele.

Misericórdia divina, fonte que brota do mistério da Santíssima Trindade, eu confio em Vós

Como observado acima, a Divina Misericórdia vem não só do Filho, mas também do Pai. E onde há Filho e Pai, há o Espírito Santo. Como especialista em Divina Misericórdia, o sacerdote Mariano e escritor Seraphim Michalenko, MIC, explica, que o Sangue e a Água jorrados do Coração de Jesus na Imagem da Divina Misericórdia é precisamente o Espírito Santo. É o Espírito Santo que veio sobre nós no Batismo e nos purificou de todo pecado (simbolizado pelo raio pálido), e é o Espírito Santo que desce sobre o pão e o vinho como a gota de orvalho na Missa e o transubstancia para o Corpo e Sangue de Jesus Cristo (simbolizado pelo raio vermelho). Por esses sacramentos, pelo sangue e pela água, pela Santíssima Trindade, somos salvos e transformados na vida divina de Deus. A Santíssima Trindade habita em nossas almas.

Misericórdia divina, que nenhuma mente, nem humana nem angélica, pode perscrutar, eu confio em Vós

A profundidade do conhecimento de Deus é inacessível por qualquer intelecto, humano ou angélico. Por Sua Divina Misericórdia, Deus compartilha conosco Seu conhecimento, em parte. Podemos confiar nEle precisamente porque Ele é onisciente e sabe o que é melhor para nós. À medida que confiamos Nele e entregamos nossas vidas cada vez mais completamente a Ele, Deus direcionará nossos caminhos e trará todas as coisas para o nosso bem (veja Rm 8:28). Vamos nos voltar para o Senhor em oração, estudo e leitura espiritual. Os amigos próximos não se conhecem intimamente? Da mesma forma, Deus quer compartilhar conosco o conhecimento de Si mesmo à medida que crescemos em nossa amizade com Ele. Como amigo bom e próximo, aprenderemos a confiar nele mais e mais perfeitamente ao longo de nossas vidas.

 

Fonte: The Divine Mercy.

Veja aqui a segunda parte

Louvores à misericórdia: O amor de Deus é a flor, e a misericórdia, o fruto

 


 

 Diário de Santa Faustina Kowalska

Publicado no Brasil com exclusividade pela Editora Apostolado da Divina Misericórdia, é uma das obras mais conhecidas pelos católicos em todo o mundo.

Loja Santuário

Fale conosco

  • Fone: (41) 3148-3200
  • Whatsapp: (41) 99749-7227