A herança que um pai nunca pode deixar faltar para um filho

O pai que transmite ao filho aquilo que “realmente importa na vida” deve buscar constantemente ter algumas características e atitudes essenciais.

Não se pode exprimir melhor o orgulho e a emoção de um pai que reconhece ter transmitido ao filho “aquilo que realmente importa na vida”: um coração sábio. Segundo o Papa Francisco, o pai que transmite ao filho um coração sábio é aquele que:

– é presente: está próximo aos filhos em seu crescimento e próximo em tudo à mulher

– ensina o filho a falar, sentir, agir e julgar com retidão

– corrige os erros que o filho não vê

– ajuda o filho a ter um afeto profundo, mas ao mesmo tempo discreto

– sabe dar um testemunho de firmeza, mesmo quando o filho busca apenas cumplicidade e proteção

– dá este testemunho de firmeza sempre com proximidade e doçura

– não é controlador, pois pais controladores anulam os filhos e não os deixam crescer

– sabe vigiar os próprios excessos de sentimento e de ressentimento

– sabe conduzir o peso das inevitáveis incompreensões

– é paciente, sabe esperar e sabe perdoar do fundo do coração

– sabe corrigir sem humilhar e proteger sem se poupar

– procura encontrar as palavras certas para se fazer entender

– sente-se feliz e pleno por ser pai

– enfim, busca transmitir ao filho aquilo que realmente conta na vida: um CORAÇÃO SÁBIO.

(fragmentos da catequese do Papa Francisco de 4 de fevereiro de 2015)

fonte: aleteia.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *