Saiba como foi o 16º Congresso Nacional da Divina Misericórdia

Na última sexta-feira, 10 de novembro, teve início o 16º Congresso Nacional da Divina Misericórdia, cujo o tema dessa edição foi ‘’Maria: a mulher que acreditou que para Deus tudo é possível. E por isso é Bem-Aventurada.’’ A cerimônia de abertura contou com a participação do padre Francisco Anchieta Cardoso de Muniz, MIC, padre Sandro Souza, MIC, que fez a acolhida inicial e também com a presença do novo provincial da Congregação dos Padres Marianos padre Jair Batista de Souza, MIC.

O Padre Jair fez fez um breve comentário, falando sobre a importância do evento para todos e então junto com os congressistas rezou um Pai-Nosso. Então declarou oficialmente aberto a 16° edição do Congresso Nacional da Divina Misericórdia.

No segundo dia a noite, a programação contou com o Show de Danielle Quirino, o Teatro das Irmãs de Jesus Misericordioso, que encenaram a Vida de Santa Faustina, e com a Procissão Luminosa.

Show

No sábado (11), os congressistas puderam participar de um show com a cantora curitibana, Danielle Quirino. O show contou com a participação do Padre Sandro Souza, MIC. No início, padre falou sobre a música ‘’Aliado fiel’’ da cantora, contando que essa canção o marcou muito.

Após algumas músicas, Daniele começou o seu momento de partilha e de testemunha, contanto a sua história de devoção com Maria. Danielle falou sobre sua dificuldade em engravidar e também sobre a doença que a impossibilitava de ter um filho. Depois de muita oração e de acompanhamento médico, em 2008, a cantora conseguiu engravidar de sua primeira filha, Maria Vitória.

‘’Nossa Senhora movimenta o céu em favor de você’’, fala a cantora durante seu momento de partilha. Após o testemunho, se iniciou um momento de oração, no qual Daniele e Padre Sandro chamaram todas as mulheres que ali estavam que gostariam de engravidar e não conseguiam.

Essas mulheres foram convidadas a irem até o altar, onde receberam orações para gravidez. ‘’Haverá uma grande manifestação de vida dentro do Santuário’’, profetiza a cantora.
O momento se encerrou com Danielle cantando mais algumas de suas músicas no novo CD Sopro de Vida. Após esse momento, houve a encenação do teatro com as Irmãs de Jesus Misericordioso.

Teatro

Santa Faustina, é conhecida de todos por sua devoção a Jesus e também por ser a primeira divulgadora da Divina Misericórdia. As Irmãs de Jesus Misericordioso, encenaram um pequeno teatro relatando a história de Santa Faustina com sua devoção a Maria.

As irmãs postulantes da congregação, Irmã Ingrid e Irmã Bruna fizeram os papéis principais, sendo respectivamente Santa Faustina e Maria Santíssima. A história mostrou desde que Helena Kowalska (Santa Faustina) ainda não tinha entrado em um convento.

A jovem moça, já no início de sua vida, sentia o forte desejo de ser irmã e de consagrar sua vida à Jesus. Maria sempre foi uma figura presente na vida da jovem freira e esteve junto de Faustina em todos os momentos. Foi mostrado também sua entrada no convento, seus votos perpétuos e  os momentos difíceis de sua vida, como os que a tentação vinham lhe provocar.

‘’A preparação desse teatro começou há um mês e conversando com o Padre Sandro, falamos do nosso desejo de fazer algo que relacionasse Santa Faustina com Maria Santíssima (…) O intuito é mostrar como Maria se faz presente em nossas vidas e ela sempre está ali como uma mãe, muitas vezes calada, mas sempre ali para ajudar seu filho’’, explica Irmã Glória da Santa Cruz.

O teatro emocionou todos os congressistas que ali estavam. Muitos relataram que o momento mais marcante foi o que Maria vai até Faustina após um forte momento de tentação.

Procissão Luminosa

Ainda na noite de sábado, encerrando a programação do dia, ocorreu o momento da procissão luminosa. Os congressistas saíram do salão com suas velas acessas e se dirigiram ao Santuário em oração.
A procissão foi conduzida por padre Sandro Souza, MIC, e guiada pela imagem de Nossa Senhora Aparecida. Orações foram feitas e canções marianas foram cantadas. Houve duas paradas antes de chegarem ao Santuário para o momento de Adoração ao Santíssimo.


Dentro do Santuário da Divina Misericórdia, o ícone da Mãe Aparecida, ficou ao lado do altar, onde estava exposto Jesus, para o momento de adoração.
O momento de adoração foi celebrado pelo pároco, Padre Francisco Anchieta Cardoso de Muniz, MIC.
Muitos congressistas saíram muito emocionados do local e partilharam que foi um momento único e maravilhoso.

Colaboração Willian Leonardo – PASCOM.

Fotos: Wesley Carvalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *