Conselhos do Papa para viver melhor a Quaresma

O Papa Francisco ofereceu dois conselhos para viver melhor esta Quaresma, ao final de sua Audiência Geral de quarta-feira, 3 de abril, realizada na Praça de São Pedro, no Vaticano.

Recorrer ao sacramento da Reconciliação para ser “servidores da esperança”

“Deixemo-nos transformar pela misericórdia do Pai, recebendo nesta Quaresma seu perdão no Sacramento da Confissão. Assim, seremos servidores da esperança que é Jesus Cristo, morto e ressuscitado por nós, homens. Que o Espírito Santo os encha com sua força e sua alegria”, exclamou o Papa.

Além disso, o Pontífice incentivou a praticar obras de misericórdia, e disse que espera que “a Quaresma que estamos vivendo favoreça a aproximação a Deus”.

A Quaresma “é um tempo valioso para redescobrir a importância da fé na vida cotidiana, a qual, vivida através do exercício das obras de misericórdia, reanima em nós o Amor do Pai e nos faz mais conscientes das necessidades de quem está necessitado”, explicou o Papa.

Na última sexta-feira, 29 de março, o Santo Padre participou da iniciativa “24 horas para o Senhor”, na Basílica de São Pedro, onde, como é tradição, confessou-se e, depois, administrou o Sacramento da Reconciliação.

Durante sua homilia, o Pontífice destacou que, na Confissão, vivemos um encontro de salvação: “nós, com as nossas misérias e o nosso pecado; o Senhor, que nos conhece, ama e liberta do mal”, por isso, incentivou a entrar neste encontro, pedindo a graça de redescobri-lo.

Além disso, o Papa assinalou que é importante “recordar o perdão de Deus, lembrar a sua ternura, saborear de novo a paz e a liberdade que experimentamos. Com efeito, isto é o coração da Confissão: não os pecados que dizemos, mas o amor divino que recebemos e do qual sempre precisamos”.

Fonte: Acidigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *