Papa Francisco completa 84 anos

(Foto: Vatican News/Vatican Media)

O Papa Francisco completa 84 anos, nesta quinta-feira (17). O Pontífice -Jorge Mario Bergoglio – nasceu em Buenos Aires, na Argentina, e é o 266° Papa da Igreja Católica. Ele também é o primeiro papa nascido na América, latino-americano e o primeiro a utilizar o nome de Francisco. A humildade do Santo Padre é destaque mundial, como também as mensagens e preocupações com os pobres. 

Algumas frases do Papa Francisco foram destaque. 

1.Na Exortação Apostólica Gaudete Et Exsultate, o Pontífice fala sobre o chamado à santidade no mundo atual.

“Para ser santo, não é necessário ser bispo, sacerdote, religiosa ou religioso. Muitas vezes somos tentados a pensar que a santidade esteja reservada apenas àqueles que têm possibilidade de se afastar das ocupações comuns, para dedicar muito tempo à oração. Não é assim. Todos somos chamados a ser santos, vivendo com amor e oferecendo o próprio testemunho nas ocupações de cada dia, onde cada um se encontra”.

2.Na Exortação Apostólica Evangelii Gaudium, o Papa Francisco fala sobre o anúncio do evangelho no mundo atual.

“A Igreja «em saída» é uma Igreja com as portas abertas. Sair em direcção aos outros para chegar às periferias humanas não significa correr pelo mundo sem direção nem sentido. Muitas vezes é melhor diminuir o ritmo, pôr de parte a ansiedade para olhar nos olhos e escutar, ou renunciar às urgências para acompanhar quem ficou caído à beira do caminho. Às vezes, é como o pai do filho pródigo, que continua com as portas abertas para, quando este voltar, poder entrar sem dificuldade”. 

3.Na Exortação Apostólica Amoris Laetitia, o Papa fala sobre o amor na família. 

“Amar é também tornar-se amável, e nisto está o sentido do termo asjemonéi. Significa que o amor não age rudemente, não atua de forma inconveniente, não se mostra duro no trato. Os seus modos, as suas palavras, os seus gestos são agradáveis; não são ásperos, nem rígidos. Detesta fazer sofrer os outros. A cortesia «é uma escola de sensibilidade e altruísmo», que exige que a pessoa «cultive a sua mente e os seus sentidos, aprenda a ouvir, a falar e, em certos momentos, a calar».”



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *